quarta-feira, 28 de julho de 2010

PEDIDO



Minha intenção ao escrever
É que meus poemas sejam lidos.
Admirados, rejeitados, interpretados... Não importa!
Mas gostaria que provocassem, de alguma forma.

Qualquer um tem o direito de não gostar, porém,
Não maltratem meu Pedido!
Nada justifica estraçalhar um verso,
Destruí-lo, assassiná-lo...
Nada justifica matar uma poesia.

Dito isso, faço agora um pedido:
Leia, viva, beba, rasgue,
Devore se sentir vontade!
Use, abuse e sinta a mágica!
Mas, por favor, não faça Análise Sintática.



(Laiana Vieira).

3 comentários:

Évelin Correia :D disse...

Por favor, só não faça Análise Sintática [2] NUUNCAA !!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkk'
Ameei Lai *-*

Jân Bispo disse...

Simplesmente perfeito Lai, kkkkk, eu pensei em escrever algo do tipo, ainda bem que não o fiz pois vc já havia feito, simplesmente perfeita verdade essa que escreveu e que nunca destruam nossa arte escrita fazendo dela objeto de estudo linguistico, morfologico, ou sintático. bjs

Decca disse...

Eu acho que vc conseguiu sentir a turma e os poetas e sintetizou o coração de todos nestes versos.
Perfeito amiga!
Das tragédias nascem belas poesias. Eis a prova!
Sou sua fã!